CRUZEIROS,  DESTINOS,  ROTEIROS & DICAS

Informações sobre o PORTO de Havana

Quando comecei a fazer cruzeiros, uma das informações que mais procurei era sobre os portos.

É sempre bom irmos já com uma ideia do que vamos encontrar.

Se a o porto fica perto da cidade?

Se é preciso apanhar transportes?

Se é seguro?

Enfim, há muitas questões que gostamos de ver respondidas.

Por isso, partilho convosco informações sobre o:

PORTO DE HAVANA

História e Geografia

O Porto de Havana, a capital de Cuba, é o principal porto de Cuba (não incluindo a Base Naval da Baía de Guantánamo, um território arrendado pelos EUA).

A maioria dos navios que chegam ao país fazem-no em Havana.

A Baía de Havana tem a distinção de ter o primeiro ataque de tubarão registado, que ocorreu em 1749, ao marinheiro britânico Brook Watson.

Foi fortificada pelos espanhóis no século XVI que em 1553 transferiram a residência do Governador para Havana a partir de Santiago de Cuba, no extremo leste da ilha, tornando Havana a capital de facto.

A importância dessas fortificações cedo foi reconhecida pelos marinheiros ingleses, franceses e holandeses, que atacaram a cidade no século XVI.

Fortificações posteriores incluíram a Fortaleza de São Carlos de la Cabaña, conhecida como La Cabaña ou Forte de São Carlos, construída no século XVIII no lado leste do porto e o maior complexo fortificado das Américas.

O forte está situado no topo de uma colina de 60 metros, ao lado do Castelo do Morro.

O Castillo de la Real Fuerza e San Salvador de Punta Fortress, ambos construídos no século XVI, estão localizados no lado oeste da baía de Havana.

O porto foi criado a partir da baía natural de Havana, que é atravessada por uma entrada estreita e que se divide em três portos principais: Marimelena, Guanabacoa e Atares.

 

Terminal de Cruzeiros

O terminal de cruzeiros do porto de Havana denomina-se Terminal Siera Maestra (oficialmente “Terminal de Cruceros Sierra Maestra”).

Está localizado na área portuária de Ensenada de Atares, perto de Havana Velha (Habana Vieja, na Plaza de San Francisco).

Os navios de cruzeiro entram no porto de Havana através de um canal (comprimento de 1,5 km).

O edifício do terminal de cruzeiros de Havana foi inaugurado em 1914.

O terminal possui três cais de atracação com comprimentos de 184 m, 191 m e 171 m. O edifício do terminal é um antigo armazém e estende-se por 25 100 m².

Em 22 de dezembro de 2015, a MSC Cruises tornou-se a primeira grande empresa de cruzeiros do mundo a ter um navio de grande porte em Cuba.

O primeiro navio de cruzeiro do MSC em Cuba foi o MSC Opera.

O itinerário, de 7 dias, iniciava-se e terminava em Havana (pernoitando duas noites na cidade), visitando também Cozumel (México), Montego Bay (Jamaica) e George Town (Grand Cayman Island).

Se quiser apanhar um cruzeiro em Havana veja este post:

3 Cruzeiros para apanhar em Havana

 

Transporte do Terminal de Cruzeiros para a Cidade

Distancia a pé para Havana Velha: 900 metros.

Atrações próximas: o terminal de cruzeiros fica a uma curta caminhada das principais atrações da cidade e locais famosos, incluindo a Calle de Prado, a Calle Obispo (onde está localizado o célebre café El Floridita), o Malecon, a Plaza de Armas e a Plaza Vieja.

Perto do terminal de cruzeiros estão disponíveis táxis, incluindo os antigos carros americanos, os CocoTaxis típicos do país e também carruagens puxadas por cavalos.

À porta do terminal existe também o Havana Bus Tour que, por 10 CUC (sensivelmente 10 dólares), tem direito a entrar e sair do mesmo durante o dia.

Os CocoTaxis são veículos de três rodas, coloridos em amarelo brilhante, ao ar livre e com capacidade máxima de dois passageiros.

As carruagens puxadas por cavalos também oferecem passeios por Havana Vieja.

Relativamente às principais atrações de Havana veja:

Havana | 11 coisas imperdíveis e maravilhosas

Pode ver informações gerais sobre Cuba aqui:

Cuba | Infos úteis para que tudo corra bem 

 

Transporte do Terminal de Cruzeiros para o Aeroporto

O aeroporto internacional de Jose Martí fica localizado a 30 minutos de táxi do porto de Havana.

O transporte público de/para esse aeroporto é limitado. É recomendado sempre utilizar os táxis oficiais de Havana em vez dos carros antigos típicos parados do lado de fora do aeroporto.

 

Segurança

Havana é uma cidade segura e os habitantes, de um modo geral, prestáveis.

Mas tenha sempre em atenção que há alguns grupos relativamente organizados que tentam enganar os turistas!

Veja, por exemplo, o que me aconteceu em Havana:

Cuba | Fui raptada em Havana

 

Até já!

 

Para encontrar todos os post’s sobre Cuba aqui no blog, é só clicar em:

CUBA

 

Se quiser receber a newsletter do Até já,  basta inscrever-se na barra lateral lado direito.

Fico feliz por estarmos mais perto!

Créditos das fotografias: Até já!

 

Já me seguem nas redes sociais?

Facebook | Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *