CRUZEIROS,  ROTEIROS & DICAS

8 Dicas eficazes para fazer MALA PARA CRUZEIRO na Europa em Setembro 

Fazer a mala para umas férias de cruzeiro nem sempre é tarefa fácil!

É roupa para os passeios diurnos, é roupa para os jantares, é calçado confortável, é roupa para ir à piscina…

Enfim, parece muita coisa para um limite de bagagem tão apertado que as companhias aéreas nos oferecem hoje em dia.

Sorte de quem vai directamente para o cruzeiro sem voo!

Mas, há que simplificar e descomplicar.

Por isso, como já compliquei muito no passado e a experiência existe para nos ajudar a melhorar e trazer sabedoria, venho partilhar 8 dicas eficazes para fazer uma mala para um cruzeiro na Europa, durante uma semana no mês de Setembro.

Em Setembro na Europa as temperaturas são amenas, mais para norte pode ser mais frio, mas ainda assim, Setembro é um mês que pode nos oferecer lindos dias de sol sem aquele calor insuportável.

E é mesmo por ai que vou começar, pela meteorologia!

 

Fonte: Arnel Hasanovic

 

Dica #1 – Metereologia

É fundamental consultarmos a meteorologia dos locais que vamos visitar quando estamos a fazer a mala.

Mesmo que a antecedência ofereça pouca exactidão, dá para ter uma ideia.

Neste caso, as temperaturas vão rondar entre 15-25º, sei que é uma grande janela, mas dá para ter uma ideia aproximada.

Vão haver dias nublados, mas até ver, nada de chuva.

Mas mesmo assim, não gosto de surpresas infelizes e é sempre bom ir prevenida!

Por isso, preciso levar um trench coat  para andar no dia-a-dia a conhecer as cidades, um casaco mais quente e impermeável, não vá a coisa virar e eu andar a bater o dente (como já me aconteceu no passado!!).

Também levo sempre um lenço e um chapéu, que sempre dá para tapar do sol ou do frio.

 

Dica #2 – Tipos de Passeios

Neste caso o tipo de passeios que vou fazer não envolve nada de extraordinário que me obrigue a levar uns ténis especiais ou equipamento específico (imagine que ia fazer mergulho!!).

Então vou optar por levar calças de ganga, t-shirts (de preferência muito giras), ténis confortáveis, umas sweatshirts e claro os meus queridos óculos sol, que não dispenso nem para ir ao pão, quanto mais para viajar!

 

Fonte:Anete Lūsiņa

Dica #3 – Noites

Como falei neste post:

24 Dicas imprescindíveis para fazer o PRIMEIRO CRUZEIRO

Dentro de um cruzeiro há vários tipos de noites temáticas e quem quiser cumprir e trajar a rigor convém ter isso em conta quando fizer a mala.

Há noite de gala, noite de branco, noite dos anos 70 ou 80, e mais umas tantas!

Eu neste caso, prefiro descomplicar e levar umas calças pretas, com uns tops e t-shirts com bom ar e rematar com um ou mais blazers! Voilá!

Depois levo ainda umas mules que são tão giras que até perdem aquele ar que todas as mules têm = chinelos!

Ah e claro uma clutch!

Levo só uma (porque sou do tempo de levar imensas e me arrepender para sempre!) e coloco o cruise card, batom cieiro, batom nude, lenços papel em formato mini, espelho e telemóvel… porque na minha pequena clutch, mais nada cabe!

Para a noite de gala e mais alguma que queira brilhar, levo umas sandálias mais tchanan e um trapinho montado no glitter (salvo seja!).

Vou dispensar os kits mais glamourosos, simplesmente porque desta vez não me apetece, mas caso queiram arrasar, não esqueçam o vestido de lantejoulas!

E não esquecer os acessórios, eu confesso que neste campo, sou mais contida e levo pouca coisa.

 

Dica #4 – Cremes / Make-up

O ar condicionado dentro do cruzeiro seca muito a minha pele, então opto por fazer máscaras diárias antes de me deitar, por isso, não as posso deixar fora da mala.

Outra coisa que não dispenso de forma alguma é a água termal, porque me ajuda a manter a hidratação.

Quanto ao resto da skincare levo os produtos que normalmente uso no meu dia-a-dia para não quebrar a rotina, incluo apenas alguns boosts por causa das mudanças de temperatura e do ritmo mais acelerado e eventual poluição.

Em relação a maquilhagem também levo o que uso normalmente no meu dia-a-dia, escolhendo bases menos secas e uma paleta de sombras mais arrojadas para as noites mais especiais.

Também o cabelo com a água do cruzeiro fica mais áspero, por isso, escolho sempre produtos que o deixem muito nutrido e hidratado.

Tal como já disse em outros posts, há companhias de cruzeiros que permitem levar pranchas para o cabelo, no meu caso especifico, posso e vou levar.

E claro que o que não dispenso de forma nenhuma (quer no cruzeiro, quer em todos os dias) o protector solar!

Apesar de não gostar de usar o mesmo perfume dois dias seguidos, neste caso, levo apenas um e é o que uso todos os dias, ou então, opto por umas amostras e vou alternando.

 

Fonte: Annie Spratt

Dica #5 Medicação

A medicação que levo para um cruzeiro na Europa é o kit mínimo.

Dores gerais, dores cabeça, gripe, febre, mal disposição, diarreia, termómetro…

Nada de especial!

Como vou andar muito, levo sempre pensos para bolhas, que já me salvaram tantas vezes!

 

Dica #6 Tech

Hoje em dia já não somos nada sem a tecnologia! 🙂

Como aproveito sempre para trabalhar, levo computador, disco externo, iPad, carregadores, cartões para máquina, powerbank, máquina fotográfica, tripé, blocos, canetas, mapas…

Enfim, essas coisas que já fazem parte das nossas vidas!

 

Fonte: Rawpixel

 

Dica #7 Ginásio e Piscina

Caso vão com a intenção de fazer um treino, uma caminhada/corrida à volta do navio (que é muito agradável com aquela vista estonteante), não esquecer os ténis e roupa para treinar.

E há sempre tempo para um mergulho na piscina.

Por isso, um bikini e uns chinelos não ocupam assim tanto espaço.

Não precisam de levar toalhas, o cruzeiro empresta!

 

Dica #8 Dicas Finais

Não levem roupa a mais! Já cometi esse erro e é uma chatice.

Menos é mais e é melhor em tudo!

Menos peso, menos roupa que anda de um lado para o outro, menos roupa para arrumar quando se volta… é tudo melhor!

Não levem muitos livros, primeiro porque há muita coisa para fazer a bordo, depois porque não há assim tanto tempo livre e porque efectivamente há uma biblioteca dentro do cruzeiro com livros disponíveis em várias línguas.

Deixem algum espaço na mala, nunca se sabe se fazem umas comprinhas nas cidades que vão visitar ou mesmo a bordo!

 

Agora só me falta fechar a mala, colocar os cadeados e ir ser feliz!

Prometo contar tudo aqui!

Vocês já fazem parte da melhor viagem… a minha vida.

Por isso, em breve mais uma viagem para partilhar.

 

Até já!

 

Se quiser receber a newsletter do Até já,  basta inscrever-se na barra lateral lado direito.

Fico feliz por estarmos mais perto!

 

 

Já me seguem nas redes sociais?

Facebook | Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *