TIM VIEIRA FLIX,  Volta ao Mundo

Tim Vieira World Trip #38 | E do outro lado do mundo está a Nova Zelândia!

Bem do outro lado do mundo fica a Nova Zelândia!

E é bem longe que está a Família Vieira! Costuma-se dizer que a Nova Zelândia é o país mais longe de Portugal!

Fica situada no sudoeste do Oceano Pacífico, na Oceania e é formada por duas ilhas principais (a do Norte e a do Sul), ambas marcadas por vulcões e glaciares.

 

Fonte: Tyler Lastovich

A Nova Zelândia é notável pelo seu isolamento geográfico, porque está situada a cerca de 2 000 quilómetros da Austrália, separadas pelo mar da Tasmânia e os seus vizinhos mais próximos ao norte são a Nova Caledónia, Fiji e Tonga.

A Nova Zelândia tem apenas cerca de 5 milhões de habitantes e a capital é Wellington (que farei um post sobre ela).

A Nova Zelândia reúne uma quantidade de paisagens e atracções impressionantes para o seu tamanho.

 

Fonte: Laura Smetsers

A Ilha do Norte é a mais povoada, tem um clima subtropical, praias maravilhosas e é aqui que se situa a capital Wellington, mas também a cidade mais povoada da Nova Zelândia, Auckland (que também terá um post sobre ela).

No interior da Ilha do Norte escondem-se os maravilhosos vulcões activos, lagos coloridos e outras preciosidades que a natureza oferece por lá, entre eles o Monte Tongariro (o cenário da saga “O Senhor dos Anéis”).

 

 

Fonte: Daniel Chen

Na Ilha do Sul, o clima é temperado, tem menos pessoas e é aqui que ficam cidades como Christchurch (mais uma cidade que terá um post sobre ela), assim como a Queenstown e atracções turísticas como os Alpes Neozelandeses, os enormes glaciares e alguns dos fiordes mais bonitos do planeta.

A Nova Zelândia evoluiu de uma economia agrária, dependente principalmente do mercado britânico, para uma economia de mercado moderna, com importante componente industrial e capaz de competir globalmente. Em todo o caso, a agropecuária continua a ser uma actividade importante, sobretudo a criação de carneiros para a produção de carne e lã.

 

Fonte: Tim Marshall 

Para quem gosta de desportos radicais, a Nova Zelândia oferece um leque incrível de opções como, rafting, bungee jump, mergulhos com golfinhos, montanhismo.

Nunca esquecendo que o alpinista mais famoso do país, Sir Edmund Hillary, foi a primeira pessoa a chegar ao cume do Evereste.

Mas também, quem procura a paz, está no sítio certo com as paisagens mais bonitas do mundo!

Parques maravilhosos, florestas majestosas, passeios em lagos, areais dourados, picos com neve, enfim…

E não podia fechar a secção do desporto, sem falar daquele que é considerado o desporto nacional da Nova Zelândia, o râguebi. Provavelmente a a selecção de râguebi do país, os “All Blacks”, é a  conhecida selecção nacional e é a actual detentora do título mundial.

 

Fonte: SB Nation

Para além disso, a Nova Zelândia é muito conhecida por ter sido o cenário da triologia do “O Senhor dos Anéis”, pela cultura maori (que terá um post dedicado a ela) e a “dança haka”.

Também pela diversidade incrivelmente bonita que a natureza oferece, pela oferta de desportos radicais e turismo de aventura e pela mascote “o pássaro quivi”.

O quivi é um animal… estranho e disforme! É uma ave do tamanho de uma galinha, coberto de penas de cor cinza, sem asas, com um longo bico e três dedos em cada pata e é o símbolo nacional da Nova Zelândia.

Este post já vai longo, mas fiquem desse lado, que muito mais está para vir sobre a Nova Zelândia!

 

 

Créditos da fotografia de destaque: Rod Long

 

Não se esqueçam de ficar desse lado a acompanhar a Volta o Mundo do Tim Vieira com a família!

 

Até já, ou melhor… até ao próximo episódio!

 

O ponto de encontro é aqui:

Blog Até Já!

Facebook

Instagram

 

E quem quiser subscrever a Newsletter do Até Já, receberá notícias no e-mail sobre esta viagem!

Explico em baixo como se faz a subscrição gratuita.

 

Para assistir à Tim Vieira Flix – Volta ao Mundo clique aqui!

 

Nota Importante:

Se alguma Agência de Viagem, Operador Turístico, empresa ligado ao sector das viagens e do turismo ou qualquer meio de difusão quiser usar este ou outro conteúdo meu, agradeço que me peçam autorização e que usem os devidos créditos.

 

 

Se quiser receber a Newsletter do Até já,  basta inscrever-se na barra lateral lado direito.

Fico feliz por estarmos mais perto!

 

 

 

Já me seguem nas redes sociais?

Facebook | Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *